Reitor da UPE Pedro Falcão recebe Medalha Paulo Freire concedida pelo Conselho Estadual de Educação

O reitor da Universidade de Pernambuco (UPE) Pedro Falcão recebeu, na tarde desta sexta-feira (17), a medalha de Mérito Educacional Professor Paulo Freire, concedida desde 2001 pelo Conselho Estadual de Educação a pessoas e instituições que prestaram relevantes serviços em diferentes áreas do ensino.

Ao todo, o CEE já havia entregue 111 condecorações desde a criação da honraria. Os cinco agraciados de 2021 serão lembrados pela cerimônia ter acontecido no ano do centenário de Paulo Freire, Patrono da Educação do Brasil, a dois dias da sua data de nascimento.

Além de Pedro Falcão, receberam a medalha de Mérito Educacional Professor Paulo Freire o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo; a professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e coordenadora geral do Fórum Estadual de Educação de Pernambuco, Márcia Ângela Aguiar; o ex-vereador do Recife, André Régis; e o consultor do Instituto Paulo Freire, Genuíno Bordignon.

A cerimônia ocorreu no auditório Senador Sérgio Guerra, na sede da Assembleia Legislativa de Pernambuco. No seu discurso, o reitor Pedro Falcão disse que a honraria é resultado do trabalho coletivo dos profissionais que trabalham com ele por anos. 

"É impossível realizar todo um trabalho na educação, em especial em tempos atuais, estranhos, sem uma grande equipe. Estamos em um momento sombrio em nosso país, e cada momento em que pessoas se juntam para vivenciar a educação, deve ser considerado um momento de resistência", destacou. 

"Sou um professor, essa foi minha escolha de vida profissional, e um seguidor do Mestre Paulo Freire. Sei que nosso contexto social exige um papel de agente transformador da realidade, exige uma observação profunda sobre o Ser Humano, para além da formação apenas técnica. Estou reitor, e vestido dessa responsabilidade, assumi o compromisso administrativo de lutar pela melhoria do ensino público", afirmou.